Chip para conversão do motor para álcool ou bicombustível

É outra lenda urbana que traz mais malefícios que benefícios ao motor e componentes em contato com o combustível. É impossível assegurar durabilidade para componentes de carros originalmente movidos a gasolina que após a conversão estarão em contato com álcool.

Tais componentes são muitos: sistema de alimentação de combustível (tanque, bomba, tubulações, corpo de injeção, bicos injetores, sensores etc.), partes internas do motor (válvulas, pistões, anéis, vedadores, rolamentos etc.), conjunto de escape (coletor de escape, tubulação de descarga, catalisador e abafadores).

Além dos riscos listados, numa verdadeira transformação de gasolina para álcool o motor solicita trabalhar em temperatura diferente e a taxa de compressão dos cilindros deveria ser mais alta para ter rendimento adequado ao combustível vegetal. Para tanto, é imprescindível trocar a válvula termostática e retirar e usinar o cabeçote do motor.



 
 

Veja como Autodo pode auxiliar você a encontrar a melhor opção

Encontre o carro ideal com nossa assessoria personalizada


Descubra o que Autodo pode fazer por você e pelo seu carro

Submeta seu carro a nossos cuidados e você se surpreenderá

Copyright © AUTODO. Todos os direitos reservados